08/01/2020

 

Durante uma crise de pânico ocorre uma modificação no funcionamento fisiológico do indivíduo. O responsável por tal modificação é o coração, pois no momento da crise ocorre uma hiper aceleração em seus batimentos, o que afeta a respiração, promovendo dificuldades extremas para respirar. E é então devido essa sensação tão terrível de falta de ar que surgem os pensamentos de morte, confusão mental. Devido tais aceleramentos ocorre também os formigamentos nos braços, pressão no peito, entre outros já citados aqui. Mas… então o que fazer quando estiver vivenciando tudo isso? A chave para lidar com esse momento tão difícil  é estabilizar os batimentos cardíacos(respiração diafragmática), para saber como fazer veja na sessão”Dicas” tem um post explicando os passo a passo de como fazer.

Mas porque o coração acelera? O coração acelera porque está te preparando para lutar ou fugir de uma situação de rico iminente. A aceleração ocorre devido a descargas de substâncias, como glicose entre outras.  Essas substâncias são responsáveis por lhe dar energia para correr ou lutar.

As crises de pânico são sinalizadores de que há algo acontecendo em sua vida e esse algo está lhe causando extremo sofrimento! Embora você nem tenha se dado conta do que é, e muito menos o tamanho desse sofrimento(situação de perigo). Mas esse é um assunto que irei tratar com mais profundidade em outro artigo (prometo!).